Dislexia - Quando buscar ajuda?

Atualizado: Set 8


A Dislexia é um transtorno de aprendizagem relacionado à dificuldade em linguagem.

Primeiramente observamos a dificuldade na leitura e depois na escrita. Ouço muitos pais reclamarem que seu filho tem "preguiça" para ler e escrever, que fazem letras feias, como se fosse uma escolha da criança não ler ou não querer escrever. Isto não é uma questão comportamental ou motivacional. Muitas dessas crianças que chegam por volta dos 8 anos de idade com dificuldades em leitura e escrita podem ter alguma dificuldade ou transtorno de aprendizagem.

Atualmente as crianças tem cada vez mais acessos ao mundo letrado e são inseridas muito precocemente no universo da leitura e escrita. Na escola fazem brincadeiras com letras e números, são incentivadas a trabalhar a coordenação motora e psicomotricidade, o que facilita o processo de aprendizagem da leitura e escrita.

Mas por que algumas crianças mesmo com tanta estimulação na escola não conseguem nomear vogais ou numerais? Têm dificuldade para escrever a grafia das letras? Ou então, na leitura, não conseguem nem fazer junções de consoantes com vogais, (ex. ba)? Por que algumas crianças apresentam mais dificuldades?

A resposta não é simples, podendo estar associada a fatores maturacionais, afetivos ou escolares. Muitas crianças que apresentam dificuldades em leitura e escrita precocemente no futuro podem apresentar diagnóstico de Dislexia.

O cérebro de pessoas com Dislexia funcionam de maneira diferente e peculiar, necessitando de intervenções específicas. O diagnóstico é feito por equipe multidisciplinar (médico, psicólogo, neuropsicólogo, psicopedagoga e fonoaudiólogo), que avaliam todas as funções cognitivas da criança.

Não é aconselhável realizar o diagnóstico antes do segundo ano do ensino fundamental, pois a criança ainda está passando pelo processo de alfabetização , porém se pais e professores na educação infantil ou anos iniciais do ensino fundamental percebem algum atraso no desenvolvimento da leitura e escrita não devem ficar esperando para procurar ajuda e intervenções específicas para estimular de forma diferentemente da convencional, pois assim minimizará os atrasos e lacunas de aprendizagem.

Se esse é o caso do seu filho procure um psicopedagogo para realizar estimulação cognitiva precoces.

A SabiaMente oferece oficinas de alfabetização com enfoque nas crianças que apresentam indícios de Dislexia. Mesmo que seu aluno ou filho não apresentem idade para fazer uma avaliação diagnóstica procure ajuda para minimizar possíveis atrasos.

Saiba mais sobre as oficinas em:

www.sabiam.com.br/oficinas


Alessandra Bizeli Oliveira Sartori

Pedagoga - Unopar

Psicopedagoga - Unifev

Mestre em saúde da criança e do adolescente - UNICAMP

Especialista em Reabilitação Neuropsicológica - IPAF

Mediadora de Pei (Programa de Enriquecimento Instrumental) pelo International Institute for the Enhancement of Learning Potential de Feuerstein (Israel)

Extensão em Psicanálise

Docente de cursos de pós-graduação

#Dislexia #dificuldadeaprendizagem #alfabetização

140 visualizações
whats.png