Pai, não perca a chance de ser o herói do seu filho!

Atualizado: Set 9


Criar e educar um filho não são tarefas fáceis, na primeira semana de vida, em que a mãe e o bebê ainda estão se conhecendo e se adaptando, o pai tem um papel fundamental, dando o apoio e a segurança necessária para a mãe, fazendo com que ela consiga se dedicar por mais tempo ao novo membro da família.

Segundo Corneau, o pai é o primeiro outro que o bebê encontra fora do útero materno. Para o autor, crianças que têm a presença do pai se sentem mais seguras nos estudos, na escolha da profissão ou em tomar iniciativas em relação à vida pessoal.

O pai tem um papel importante no desenvolvimento da criança e o vínculo criado com o filho é um dos fatores determinantes para o desenvolvimento cognitivo e social. Quando o pai é presente na vida do filho isso faz com que ele cresça seguro e capaz de estabelecer relações afetivas na vida adulta.

Algumas crianças, que não têm a figura paterna presente, apresentam dificuldades de diminuir o vinculo com a mãe, mantendo a relação dual por tempo maior que o necessário. É comum observar traços de introspecção e dependência em indivíduos que não tiveram uma ligação com o lado paterno.

Crianças que sofrem a rejeição dos pais tendem a ser mais ansiosas e inseguras, por isso é importante que os pais demonstrem o carinho e o amor pelo filho.

Papais aproveitem os momentos ao lado dos seus filhos, você é essencial para o desenvolvimento saudável e para fortalecer o vinculo entre vocês.

Referencia:

Corneau G. Pai ausente filho carente. Trad. Jahn L. São Paulo: Brasiliense;1991

#familia #pai #paiefilho #criança #bebês

57 visualizações
whats.png